Homenagem aos soldados portugueses da grande guerra
Homenagem aos soldados portugueses da grande guerra

No dia 14 julho de 1918, (faz hoje 100 anos) em homenagem aos 30.000 soldados portugueses que lutaram ao lado das forças aliadas pela liberdade da França, a assembleia municipal de Paris decidiu que a antiga "Avenue Sofia" seria chamada "Avenue des portugais". No vídeo, um extrato de "Carte Postale de La Lys", canção escrita e cantada pelo Dan Inger dos Santos

Agostinho, o nosso homem da Volta a França

Com o Tour de France à porta é impossível não me lembrar da bicicleta. E não sentir saudades da minha Giant. Em 2011, voltei a França para participar na Ardéchoise (um encontro de cicloturistas) e, dessa vez, subir também o Alpe d’Huez. São 14 km de muito sofrimento, logo no início com mais de 10% de inclinação. E são 21 curvas que nos deixam sem pernas, sem pulmões, quase sem sentidos. Numa infindável contagem decrescente, lá chegamos à 17ª curva onde está o nome de Joaquim Agostinho, mal escrito, infelizmente. Em 1979, o ciclista português venceu ali a etapa do Tour. Era uma força da natureza. Faltava-lhe a técnica e, por se ter iniciado tarde na modalidade, era conhecido como “emigrante da bicicleta”. Isso, porém, não o impediu de vencer.

Lusodescendente Davy Ramos cria o Smart Jarvis, o novo mordomo de inteligência artificial

O lusodescendente Davy Ramos criou um "mordomo" com inteligência artificial que promete ajudar nas tarefas de casa e que, segundo o criador, com origens em Torres Vedras, "as pessoas podem aproveitar de outra maneira o tempo que gastavam nessas tarefas". Este sistema inovador aprende as rotinas diárias dos residentes permitindo aos mesmos economizar num bem cada vez mais precioso nos dias de hoje - o tempo. Esta inovação já conquistou a multinacional Apple que pretende comercializar o produto em todo o mundo a partir de 2019.  Mais uma vez, se realça o talento dos nossos portugueses que conseguem marcar a diferença além fronteiras.  Siga toda a informação em http://www.facebook.com/mysmartjarvis

Carlos Vieira passa Pirinéus e chega ao topo da Europa

Eis a etapa mais dura de todas. Subidas e mais subidas... Foram uma constante ao longo desta etapa. Os Pirinéus acabariam por ceder enfim, uma vez que a força e persistência deste enorme campeão não conhece limites.O leiriense Carlos Vieira continua a viagem de bicicleta de ligação de Leiria a Quint-Fonsegrives, em França. Quando passou no topo dos Pirinéus ainda havia vestígios de neve e uma bandeira portuguesa no topo de um poste não passou despercebida. As próximas etapas serão já em território francês e o ciclista português já esteve em Lourdes, cidade geminada com Fátima. "Estar em Lourdes é sempre uma grande honra", disse.

Lusodescendente participa em prova Ironman em Nice

O Ismael Teixeira não é bem luso-descendente na definição stricto sensu do termo, mas um daqueles orfãos de pai vivo (tão bem descrito na literatura da Isabel Mateus), já que o pai foi emigrante em França toda a vida e ele foi educado em Portugal com a mãe e restantes irmãos. Por solidariedade, vamos là então rezar todos por ele ...e luso-franceses de Nice e arredores, toca a apoia lo este fds durante os treinos e prova! Ismael Teixeira, estamos contigo!!!!!!

Estudar a Europa a partir de Paris
Estudar a Europa a partir de Paris

Nasceu e cresceu em Leiria, licenciou-se em Londres e está a tirar o mestrado em Paris. Eduardo Lopes encontra diferenças significativas entre estas duas cidades, mas conta que se está a adaptar bem à vida parisiense e que há aspetos da cidade que o encantam. Regressar a Leiria não está, para já, nos seus planos deste jovem de Regueira de Pontes. A estudar Assuntos Europeus, prevê que o seu futuro passe por Bruxelas ou outra capital europeia. Leia esta história aqui: https://bit.ly/2JV6P5C

Empresas Portuguesas na Plastics Meetings em Lyon

Indústria portuguesa dos plásticos e moldes marca presença no Plastic Meetings realizado nos dias 19 e 20 de Junho no Espace Tête d'Or em Lyon, França. O evento promove reuniões B2B entre representantes do setor e tem o objetivo de fomentar a cooperação económica e as relações comerciais entre os diferentes participantes no evento. Estão presentes no evento a Fozmolde, a CR Moldes, a Batista Moldes, GLN, a ASG Moldes, Prifer, Steel Plus, a Tucab, a Moldata, a NSB Group a CEFAMOL e a POOL-NET.

Fado: último encontro da temporada

A Associação Gaivota organizou, na sala do Castelo Lorenz, em Bry-Sur-Marne, o seu último encontro da temporada. Vários fadistas e cantores franceses foram convidados: Jenyfer Rainho, Sophie Paula, Manuel Miranda, Nuno Estevens, Patrick Pernet, Christiane Belert, Jean-Luc Tassel, Dan Inger dos Santos, entre outros. Próximo encontro será no dia 16 setembro 2018. A Associação Gaivota tem como atividade principal a difusão e promoção do fado, assim como a poesia e a cultura lusófona.

Apresentação da II Coletânea de Poesia Lusófona em Paris

Dia 14 de junho, foi apresentada, no Consulado Geral de Portugal em Paris, a II Coletânea de Poesia Lusófona em Paris, com 107 poetas. A apresentação do livro foi feita por António Manuel Ribeiro, autor do prefácio, líder do grupo UHF, pelos os escritores Adélio Amaro e Alice Machado e pelo editor Frankelim Amaral. Algumas leituras foram oferecidas.

Batista de Matos homenageado com medalha de Fontenay-sous-Bois
Batista de Matos homenageado com medalha de Fontenay-sous-Bois

A luta pela liberdade e o seu papel de destaque na comunidade portuguesa foram algumas das razões invocadas pelas autoridades municipais de Fontenay-sous-Bois, localidade francesa, para entregar a medalha da vila a José Batista de Matos, no passado dia 2 de junho. A medalha foi entregue numa cerimónia presidida pelo maire Jean-Philippe Gautrais. No seu discurso, Batista de Matos, 84 anos, natural de Alcanadas, aldeia a poucos quilómetros da Batalha, elogiou o facto de Fontenay-sous-Bois sempre ter respeitado a liberdade. Batista de Matos foi igualmente um ativista no Maio de 1968 e ainda hoje figura no Museu Nacional da História da Imigração, em Paris, como rosto da emigração lusa.

Festa da sardinha em Champigny sur Marne

A associação Les Amis du Plateau organiza em Champigny sur Marne, perto do monumento inaugurado pelo Presidente da República Portuguesa, em junho de 2016, uma festa da sardinha e das crianças. Participam várias associações - Gaivota (fado), Hirond'ailes (solidariedade), ASPRC - e artistas como Tony do Porto, Christophe Fonseca(Cineasta) eDan Inger dos Santos.

Associação de Cultura Portuguesa D'Aulnay-sous-Bois assinala Dia de Portugal
Associação de Cultura Portuguesa D'Aulnay-sous-Bois assinala Dia de Portugal

A Associação de Cultura Portuguesa (ACP) D'Aulnay-sous-Bois, em França, vai comemorar o Dia de Portugal, de Camões e das Comunidades Portuguesas, no domingo, dia 10, com a presença do autarca Bruno Beschizza, Paulo Marques, presidente do Conselho das Comunidades em França, e António Pereira Marques, presidente honorário da ACP.

Leiriense ajuda a dinamizar comemorações do Dia de Portugal em Paris
Leiriense ajuda a dinamizar comemorações do Dia de Portugal em Paris

O monumento construído pelos portugueses em Champigny-sur-Marne, perto de Paris, de homenagem a um autarca francês que ajudou os emigrantes nas décadas de 1960/1970, é um dos cenários das comemorações do Dia de Portugal em França. “Este ano e daqui em diante, vamos comemorar o Dia de Portugal em frente ao monumento no Parque do Planalto de Champigny-Sur-Marne”, garante Valdemar Francisco, leiriense que preside à associação Les Amis du Plateau. Leia mais em https://goo.gl/swTjAK.